Banco Mundial apoia criação de energia geotérmica nos países em desenvolvimento

Banco Mundial apoia criação de energia geotérmica nos países em desenvolvimento

O Banco Mundial lançou um fundo para ampliar a geração de energias renováveis nos países em desenvolvimento, com um investimento substancial na energia geotérmica. O Global Geothermal Development Plan (GGDP) vai prestar assistência e apoio na criação deste tipo de energia que é, actualmente, um recurso pouco utilizado.

O fundo foi lançado na Conferência Geotérmica em Reiquiavique, Islândia, um país no qual cerca de 26,2% da energia é fornecida através de fontes geotérmicas.

De acordo com os estudos de exploração da superfície conduzidos por todo o mundo, muitos países em desenvolvimento são ricos em recursos geotérmicos, incluindo as áreas a este de África, sul da Ásia, América central e a região andina. Pelo menos 40 países têm um potencial geotérmico capaz de atender a uma parte significativa das suas necessidades de energia.

Contudo, o uso desses recursos pode exigir grandes e arriscadas despesas iniciais. A avaliação da viabilidade de um único fluxo pode custar até €20 milhões (R$ 49 milhões) – um investimento que se perde, caso se perceba que o local em questão não tem potencial geotérmico.

Segundo o Inhabitat, a meta inicial do GGDP é mobilizar cerca de €384 milhões (R$ 982 milhões) para a identificação de potenciais projectos numa série de países, financiando a perfuração exploratória e ajudando a desenvolver projectos comercialmente viáveis. A iniciativa pretende ajudar países em desenvolvimento que têm as suas economias dependentes dos preços flutuantes do petróleo.

O banco vai convocar doadores ainda este ano para discutir o financiamento de projectos específicos.

O Banco Mundial aumentou o financiamento para o desenvolvimento geotérmico de €60 milhões (R$ 143 milhões) em 2007 para €258 milhões (R$ 660 milhões) em 2012, valor que representa quase 10% do financiamento total da entidade para as energias renováveis.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta

Patrocinadores